Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 Em Safari no meu mac.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Não vou perder tempo a comentar o divertido fim de campeonato do mundo de F1 em S. Paulo. Interessa-me mais o tema da cobertura televisiva.

 

Assisto à F1 desde que me lembro; sim, com altos e baixos, momentos de maior e menor paixão reacendida recentemente com o anti-Alonsismo protagonizado pelo Hamilton. Afinal de contas ele tem um capacete amarelo e isso conta muito :)

 

A verdade é que por mais tentativas que se façam, não há maneira de encontrarmos comentadores de F1 que sejam, va lá, pelo menos razoáveis. A realidade revela uma pobreza assustadora. Excepção feita a alguns momentos do Domingos Piedade, a generalidade dos nossos comentadores de desportos motorizados é boçal, distraída e ausente.

Assim de repente, vêm-me à memória os nomes de José Pinto, Pedro Mariano, Jorge Pego, Adriano Cerqueira, José Miguel Barros, Paulo Solipa e pilotos como Tiago Monteiro, Pedro Lamy, Pedro Couceiro, Pedro Matos-Chaves

 

Alguns orbitam entre os carros e as motos como se fosse tudo o mesmo. Tem motor? Siga! Ah é uma corrida de corta-relvas? Venha de lá o especialista das motos.

 

Eu sei que uma corrida de F1 costuma ser monótona e com pouca acção digna de comentário, mas isso não serve de desculpa para termos de ouvir uma torneira mal fechada a debitar gota-a-gota informação inútil ou descontextualizada como acontece normalmente.

Menos se justifica quando se trata da corrida que decide o campeonato e é disputada parcialmente à chuva e efectivamente com alguma acção em pista.

 

Se em vez de estarem a olhar para um papel que trouxeram de casa com um print da wikipedia, os senhores comentadores estivessem realmente a olhar para a corrida, não tinham caído no ridículo de anunciar a vitória do Felipe Massa durante largos segundos, enquanto o resto do mundo já sabia que Hamilton era o campeão.

E não me venham com desculpas esfarrapadas que "ninguém contava com a presença do Glock". A prova está estava aqui em baixo: a mesma corrida comentada em alemão, inglês e português do brasil. Entretanto os videos foram removidos por alguém.

 

Todos estavam a ver a corrida. Só os nossos queridos e sonolentos comentadores é que estavam provavelmente a olhar para o umbigo quando o Hamilton ultrapassou o Glock na última curva.

 

P.S. O caso do MotoGP é ainda mais gritante, mas isso são outros 500... cc :P


et bouef! :)

Autoria e outros dados (tags, etc)








Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D